Amortecedores

amortecedores

Por que comprar amortecedores novos?

É muito recomendado que, em caso de dúvidas, sejam comprados amortecedores novos de marcas confiáveis, como a Nakata, para evitar problemas futuros. Os amortecedores são partes fundamentais do carro, e seu funcionamento deve ser entendido para que o condutor tenha noção das necessidades de manutenção que seu veículo possui.

Quais são os componentes do amortecedor?

O amortecedor é composto, em média, de 50 itens, entre eles um fluido denominado óleo hidráulico de características especiais para suportar as mais baixas e mais altas temperaturas. Fixações e suportes: olhal, suporte de mola, suporte para fixar diretamente à bandeja da suspensão, suporte para prender tubulações de freio, etc;

Qual foi o primeiro amortecedor?

Para resolver este problema foi criado o amortecedor. O primeiro tipo produzido por August F. Meyer, a partir de 1926 ,o fundador da atual Monroe. Os primeiros modelos foram os amortecedores de fricção que controlavam o movimento das molas com a ação mecânica de um cinto.

Qual a importância de um amortecedor confiável?

Contar com um amortecedor confiável é fundamental, sendo que essa peça é conhecida como um dos itens do “Triângulo da Segurança”, com o pneu e freio — componentes que de maneira imprescindível precisam estar em perfeito estado para garantir a segurança do veículo.

Quais são os tipos de amortecedores?

Entre os tipos mais comuns, podemos citar os amortecedores hidráulicos e a gás, também chamados de pressurizados. Para escolher o melhor para o seu veículo, o ideal é consultar o manual do proprietário e seguir as recomendações da montadora.

Qual a vida útil dos amortecedores?

Em veículos que circulam por estradas malconservadas, por exemplo, a troca dos amortecedores costuma ocorrer mais cedo. Por outro lado, a vida útil desses componentes tende a ser maior em carros que rodam por vias bem-pavimentadas. Todavia, não há regra para determinar a longevidade deles.

Quanto tempo dura um amortecedor?

O dado ilustra a importância da qualidade e durabilidade do componente. A vida útil do amortecedor varia em torno de 50 mil km. Mas essa quilometragem é muito influenciada pelo estilo de condução e também pelo tipo de piso em que o veículo trafega, podendo durar bem menos ou bem mais do que isso.

Como são testados os amortecedores?

Os amortecedores são testados em laboratórios credenciados segundo uma série de parâmetros técnicos determinados pelo próprio Inmetro. Se atendidos esses parâmetros, o certificado é concedido exclusivamente para cada fábrica e para os produtos ali manufaturados. A certificação está sujeita, ainda, a um processo de manutenção anual.

Como funciona o amortecedor?

Válvula da base. O amortecedor funciona por princípios hidráulicos. Tanto o tubo de pressão quanto o tubo reservatório estão com óleo restando uma pequena parte sem óleo que é preenchida com ar ou com gás nitrogênio quando o amortecedor é pressurizado.

Qual a importância dos amortecedores para o seu carro?

Esses componentes são os responsáveis por intermediar a transmissão de movimento oscilatório, garantindo estabilidade e conforto para o motorista e para os passageiros. Para ajudá-lo a entender um pouco mais sobre essa parte tão importante do seu carro, criamos esse dossiê sobre amortecedores.

Quais foram os primeiros amortecedores de fricção?

O primeiro tipo produzido por August F. Meyer, a partir de 1926 ,o fundador da atual Monroe. Os primeiros modelos foram os amortecedores de fricção que controlavam o movimento das molas com a ação mecânica de um cinto.

Quando trocar o sistema de amortecedores?

Algumas oficinas recomendam trocar todo o sistema de amortecedores a cada 40 mil quilômetros. Essa generalização deve ser interpretada com cuidado, pois o tempo de vida de um determinado componente da suspensão pode ser maior ou menor dependendo da condução feita pelo motorista e pelo tipo de solo no qual o carro está andando.

Postagens relacionadas: