Moodle atlantica

moodle atlantica

Qual o objetivo do Moodle na Universidade Atlântica?

O projeto do Moodle na Universidade Atlântica teve início no primeiro semestre do ano letivo de 2008/2009, o seu objetivo principal é permitir a partilha de conteúdos entre alunos e docentes através da internet.

O que é Moodle e como usá-lo?

Foi criado pelo pedagogo e cientista da computação australiano Martin Dougiamas, e sua primeira versão apareceu em 20 de agosto de 2002. Desde então, o Moodle se tornou a plataforma LMS mais conhecida no mundo, usada principalmente em escolas e universidades. 2.- Como funciona a plataforma Moodle?

Quais são as características do Moodle?

Moodle é a abreviação em inglês das iniciais Ambiente de Aprendizagem Dinâmico Modular e Orientado a Objetos, e é uma plataforma de gerenciamento de aprendizado de código aberto, isso significa que você pode obtê-lo livremente e também pode modificar, corrigir e adicionar recursos personalizados.

Qual o objetivo do Moodle?

Introdução O conceito do Moodle (Modular Object‐Oriented Dynamic Learning Environment) foi criado em 2001 por Martin  Dougiamas, o conceito tem como objetivo principal a criação de comunidades on‐line, de forma a desenvolver  ambientes de aprendizagem colaborativa.

Qual o objetivo do Moodle?

Atlântica   2 Introdução O conceito do Moodle (Modular Object‐Oriented Dynamic Learning Environment) foi criado em 2001 por Martin Dougiamas, o conceito tem como objetivo principal a criação de comunidades on‐line, de forma a desenvolver ambientes de aprendizagem colaborativa.

Qual a importância do Moodle para a educação à distância?

Como oferece suporte à educação à distância, o Moodle tem entre seus principais recursos o upload de videoaulas, forma didática de ensino que se aproxima mais da experiência em uma sala de aula presencial. No entanto, o custo para a produção dos vídeos faz com que poucas instituições de ensino invistam nessa ferramenta.

Quais são as características do Moodle?

Moodle é a abreviação em inglês das iniciais Ambiente de Aprendizagem Dinâmico Modular e Orientado a Objetos, e é uma plataforma de gerenciamento de aprendizado de código aberto, isso significa que você pode obtê-lo livremente e também pode modificar, corrigir e adicionar recursos personalizados.

O que é Moodle e como usá-lo?

Foi criado pelo pedagogo e cientista da computação australiano Martin Dougiamas, e sua primeira versão apareceu em 20 de agosto de 2002. Desde então, o Moodle se tornou a plataforma LMS mais conhecida no mundo, usada principalmente em escolas e universidades. 2.- Como funciona a plataforma Moodle?

Muito usado por instituições de ensino, ele pode ser uma ferramenta muito interessante para cursos inteiramente virtuais e também para suporte de aulas presenciais. O que você vai ler nesse artigo? O que é o Moodle? Como o Moodle funciona? O que é o Moodle?

Como usar o Moodle sem a ativação das aulas online?

Quais são as características e módulos do Moodle?

Quais são as características e módulos do Moodle? A missão do Moodle é promover uma pedagogia socioconstrutiva. E isso se dá de forma 100% online por meio de colaboração, reflexão crítica sobre as atividades, debates, etc. Por ter uma interface simples, eficiente e leve, é fácil de instalar em qualquer plataforma que suporte PHP.

Qual a importância do Moodle?

Cursos podem ser categorizados e pesquisados – um site Moodle pode suportar milhares de cursos Ênfase em total segurança o tempo todo. Os formulários são todos checados, os dados validados , os cookies codificados, etc

Quais são as atividades do Moodle?

O Moodle é usado por milhares de instituições de ensino em todo o mundo e fornece uma interface organizada de apoio às estratégias de e-learning. O que você vai ler nesse artigo? Será que o Moodle é a escolha certa para você? 2. Permite interações com os alunos, mas a interface não é muito amigável

Como usar o Moodle?

O primeiro passo para usar o Moodle é ter um cadastro na instituição de ensino em questão. Na maior parte dos casos, a plataforma é usada como um sistema de apoio às disciplinas da universidade ou centro educacional, então, é preciso ser um aluno matriculado na instituição para ter acesso aos materiais.

Postagens relacionadas: