Greve comboio lisboa

greve comboio lisboa

Quando vai ser a greve do comboio de Portugal?

Os trabalhadores da CP – Comboios de Portugal estão esta segunda-feira, dia 16 de maio, uma greve de 24 horas que já dura desde a meia-noite e deverá ainda causar algumas complicações amanhã terça-feira.

Por que a greve está a condicionar o trânsito na cidade de Lisboa?

A greve está a condicionar o trânsito nas principais vias da cidade de Lisboa. De acordo com fonte oficial da Divisão de Trânsito do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, no IC 19, há fila até ao Cacém, com um acidente que está a ocupar duas vias e a dificultar ainda mais a circulação. A entrada da A1 Norte está totalmente parada.

Quando vai ser a greve do Metro em Lisboa?

Metro de Lisboa e comboios da CP na zona urbana de Lisboa em greve (Foto: David Gubler) Esta sexta-feira, dia 27 de maio, os transportes públicos em Lisboa vão estar com condicionamentos.

Quais os impactos da greve parcial na circulação dos comboios urbanos de Lisboa?

Numa nota divulgada no início da semana, a CP informou que, devido à “greve parcial convocada por uma organização sindical, para o período compreendido entre as 17h00 e as 21h00”, poderão ocorrer “perturbações significativas na circulação dos comboios urbanos de Lisboa, com impacto previsto entre as 15h00 e as 24h00”.

O que aconteceu com a greve de 24 horas?

A greve de 24 horas foi convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário (SNTSF), da CGTP, não tendo sido decretados serviços mínimos pelo Tribunal Arbitral do Conselho Económico e Social.

Qual o impacto da greve de 27 de maio na circulação?

“A greve abrange o período entre as 00:00 e as 24:00 de dia 27 de maio, mas o impacto na circulação poderá estender-se para além desse período, nomeadamente ao final do dia 26 de maio e às primeiras horas da manhã de dia 28 de maio”, refere a CP em comunicado.

Quantos trabalhadores são abrangidos pelo pré-aviso de greve?

De acordo com o dirigente do SFRCI António Lemos, são abrangidos pelo pré-aviso de greve 800 a 1.000 trabalhadores das carreiras comercial e de transportes da CP.

cds

Postagens relacionadas: